Publicidade

Quais são as bolas no Basquete?





Seja em quadras ao ar livre ou em ginásios, toda cesta é um convite para jogar basquete. Mas além das variáveis como tipo de piso, modalidade de jogo ou o melhor tênis, é preciso descobrir qual a bola certa pra você. São vários modelos e marcas à venda no mercado, cada uma com suas especificidades, por isso preparamos um guia básico com as principais informações que você precisa levar em consideração na hora de comprar a bola ideal. Confira:


As bolas de basquete têm tamanho e pesos variados e são fabricadas em couro, borracha ou material sintético. O tamanho varia de acordo com a idade, habilidade e o gênero dos jogadores. Essa diferenciação acontece para que os atletas não percam a potência de explosão no arremesso, em outras palavras, para que ele não faça mais força do que a bola deveria exigir, respeitando as capacidades físicas de cada biótipo e faixa etária. Uma bola para homens adultos, por exemplo, é maior e mais pesada do que as fabricadas para mulheres na mesma faixa etária.

Acesse o blog da Educação Fisica

No caso dos homens, a bola é pensada para que o toque tenha uma melhor "pega" de bola, devido ao tamanho das mãos masculinas - que, em geral, são maiores do que as femininas - e também à potência e explosão muscular diferente em ambos os gêneros.

Em relação aos meninos e meninas de até 12 anos, a relação tamanho x peso da bola também muda. Nas lojas é possível encontrar bolas bem menores do que as que estamos acostumados a ver. Essas são feitas especialmente para crianças, de tamanho especial, elas costumam ter 55,8cm de circunferência e pesam 311g. Contudo, independente do tamanho ou peso, uma regra é essencial: não tenha vergonha de pedir informações ao vendedor e também de ser honesto em relação ao seu nível de habilidade. Isso fará toda a diferença na hora de adquirir a bola ideal para você jogar.

Tipos de bolas

Basquete Inspira SC - Bola Ideal (Foto: Penalty, divulgação)

Você sabia que existem bolas diferentes para os jogos feitos dentro e fora de ginásios cobertos? As chamadas indoor e outdoor são duas categorias diferentes para uso específicos. A distância, ambas parecem iguais, mas cada estilo de bola tem um design e propósito específicos.

Material
As bolas para uso indoor, ou seja, para jogos em ambientes fechados são mais pesadas e feitas de couro mais liso do que as bolas utilizadas para jogos na rua. Uma das características das utilizadas em jogos da NBA, por exemplo, é a necessidade de "amaciá-la" antes do jogo. Isso acontece pois elas são feitas de couro, ao contrário das fabricadas para uso outdoor - que são de borracha e já estão prontas para uso.

Durabilidade
Ambas são feitas para durarem muito tempo se utilizadas no ambiente correto - seja dentro de um ginásio coberto ou na rua. Para garantir a durabilidade, é importante mantê-las sempre bem calibradas e limpar com uma escova quando necessário.

A dica de ouro
A não ser que você tenha uma quadra fechada em casa, ou no condomínio onde mora, e use muito, prefira investir em bolas do tipo outdoor. As fabricadas para serem usadas em quadras fechadas, como as da NBA, costumam se deteriorar muito mais facilmente se expostas às condições típicas da rua. Ao contrário das feitas para jogos na rua, que não perdem desempenho se jogadas dentro da quadra.

Homens x Mulheres x Juniores
Os homens que são atletas amadores e/ou de ligas profissionais usam bolas com 74,9 cm de circunferência e 623 gramas. Já as mulheres profissionais e amadoras do esporte jogam com bolas ligeiramente menores que as usadas pelos homens, com 72,3 cm de circunferência e 566 gramas. No entanto, quando o atleta é um jogador de base, como os que jogam nas categorias Sub 13, Sub 15 ou Sub 19 - que são considerados juniores, a bola também tem especificações diferenciadas. Em geral, a utilizada por essa categoria tem 69,21 cm e pesa entre 396g e 453g.


Basquete Inspira SC - Bola Ideal (Foto: Divulgação)

Curiosidade
Até 1930, as bolas de basquete eram bem maiores. Tinham 81,2 cm de circunferência e pesavam 652 gramas. Inicialmente, eram adaptadas a partir da câmara de uma bola de futebol, que na época eram feitas de couro animal (vem daí a cor marrom alaranjado que predomina até hoje). Posteriormente, uma marca norte-americana passou a fabricar bolas específicas para basquete, um pouco menores e mais leves do que as utilizadas até aquele momento.

Existem bolas maiores e mais pesadas, como as usadas na Champions Sport XXL Oversized Trainer, usadas em treinos profissionais para "forçar" o arremessador a melhorar a precisão e também aumentar a força nos dedos das mãos, antebraços e ombros. Os pivôs a usam para exercícios de força e para treinamento de rebotes.

Fonte: Federação Internacional de Basquetebol (FIBA)



Comente:

Um comentário: