Publicidade

Dicas para o pivô no Basquete





http://www.maranhaoesportes.com/wp-content/uploads/2015/11/pivo.jpg

O Pivô ou Centro é um jogador muito importante já que a equipe depende dele tanto na defesa quanto no ataque. No ataque, o pivô deve ter a capacidade de encestar perto da cesta, enquanto que na defesa, ele tem a responsabilidade de tomar os rebotes e bloquear lançamentos.


Geralmente, o Pivô é quase sempre o jogador mais alto da equipe. A maioria dos centros da NBA medem mais-ou-menos 2,15 metros de altura. Na quadra, se chama o Pivô de "5", enquanto também pode ser conhecido como o "gigante".

O posicionamento do pivô no garrafão deve ser de frente para a cesta, não de costas. Pode parecer estranho e inusitado mas um pivô com ações e reações rápidas se tornará mais efetivo na proporção direta em que se situe de frente para a cesta. Nessa situação, ao se manter sempre do lado oposto em que se encontre a bola, obterá sempre o espaço necessário para a recepção segura de um passe,e melhor,obtendo-o em movimento,

É a perfeita situação em que o domínio sobre o defensor se fará pela surpresa e pela antecipação,além da possibilidade real de,em deslocamento, efetuar o arremesso, o drible ou o passe em condições de grande segurança. Ao movimentar-se permanentemente dentro do garrafão, mantendo-se sempre em oposição à bola, criam-se os espaços, não só para as recepções e conclusões, como abrem-se oportunidades para as penetrações dos demais jogadores.

Um lembrete aos pivôs quando tentarem a cesta muito próximo dela.
Executem a finalização sempre com a mão do mesmo lado em que estiver em função da mesma, pois terão mais chances de conseguirem os pontos, como a possibilidade de receberem uma falta se torna real.

A última dica é procurarem desenvolver senso rítmico em suas passadas,o maior obstáculo na performance de homens altos, e que se bem desenvolvido propiciará ações rápidas e coordenadas no pequeno espaço que dispôem para jogar.



Comente:

Nenhum comentário